Ciclistas terão que fazer cadastro para deixar bikes em terminais de ônibus

Medida visa aumentar o controle e a segurança para quem guarda as bicicletas      

Ana Paula Niederauer, O Estado de S.Paulo

Ciclistas de São Paulo terão que fazer cadastro para deixar bicicletas em 28 terminais de ônibus e 7 estações do Expresso Tiradentes na capital paulista.

A medida visa aumentar o controle e a segurança para quem guarda suas bicicletas enquanto utiliza o transporte público.

+++ Uma bike é roubada em SP a cada meia hora 

A São Paulo Transportes (SPTrans) informou que já implantou o novo controle de acesso nos bicicletários dos terminais de ônibus Amaral Gurgel, Campo Limpo e Cidade Tiradentes e que em breve vai estender a ação nos demais terminais.

Para fazer o cadastro, o ciclista deve informar o nome completo, telefone, endereço, e-mail, apresentar documento com foto e levar cadeado próprio. 

A entrega e a retirada do veículo será feita com dois cartões de identificação: um que o dono da bike leva e outro que fica na bicicleta pelo tempo em que ela estiver no terminal. Na hora da retirada, basta apresentar o cartão e um documento com foto.

De acordo com A SPTrans, as bicicletas serão alocadas e retiradas apenas pelo controlador do local, o que deve aumentar a segurança. 

Ainda de acordo com a SPTrans, os bicicletários dos terminais de ônibus da capital têm 2002 vagas.

Matéria publicada no jornal O Estado de S. Paulo.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Metrô desativa bicicletários em cinco estações da capital paulista

SP ganha 3º ponto para bikes