Por que é difícil renovar o Congresso: de nomes a práticas

Conrado Corsalette - Nexo Jornal 

Sabe aquele papo de que os políticos que estão aí não prestam? Então vamos lembrar do óbvio: é o eleitor quem os coloca lá de quatro em quatro anos. Mas será que só trocar os nomes adianta? Nesta edição, o “Politiquês” trata da renovação parlamentar, das regras eleitorais que influenciam a disputa e traz dicas de como escolher bem seu candidato nas eleições de outubro de 2018. Isso a partir de uma conversa com Adrian Gurza Lavalle, cientista político da USP, e Jorge Abrahão, coordenador-geral da Rede Nossa São Paulo e um dos porta-vozes do projeto Um Novo Congresso

A trilha sonora é da cantora e compositora Tássia Reis. E quem dá a dica de livro é a jornalista Carolina de Assis.

Confira aqui a entrevista de Jorge Abrahão e Adrian Gurza Lavalle ao Nexo Jornal.