Troca de combustíveis da frota de ônibus tem nova rodada de negociações

DA ASSESSORIA DE IMPRENSA - CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO

O presidente da Câmara Municipal de São Paulo, Milton Leite (DEM), e o vereador Gilberto Natalini (PV) receberam nesta quarta-feira (4/10) representantes de organizações de defesa ambiental e de entidades sociais para mais uma rodada de negociações envolvendo o Projeto de Lei (PL) 300/2017, que trata da troca da matriz energética da frota de ônibus.

Leite e Natalini são coautores de um substitutivo para o Projeto. O encontro teve a participação de Pedro Telles e Davi Martins, do Greenpeace; Ricardo Borges Martins, da Minha Sampa; Américo Sampaio, da Rede Nossa São Paulo; e Rafael Calabria, do Idec.

O principal ponto debatido na reunião foi a fixação das metas de redução de poluentes dos ônibus. Uma possibilidade de consenso surgiu na diferenciação dos prazos para os ônibus de grande porte e os micro-ônibus – os veículos menores teriam um prazo maior, já que hoje não há tecnologia disponível para atender as necessidades dessa frota específica.

O presidente do Legislativo ressaltou que as negociações caminham para um ponto de convergência. “Começamos as conversas com divergências enormes e agora estamos perto de fechar. Estamos buscando uma alternativa factível e sustentável para todos os lados envolvidos no processo”, afirmou Leite.

Durante a reunião, Natalini apresentou uma nova proposta de substitutivo que, segundo ele, condensa tudo o que foi debatido até agora. “Não é um texto imutável, está aberto para sugestões para avançarmos nas conversas”, disse.

Uma nova reunião deverá ser marcada para as próximas semanas.

Amplo debate

Desde a apresentação do texto original, em maio, houve importantes avanços, entre eles a proposta de retorno da inspeção veicular e a inclusão do controle de poluentes de outros veículos, como ônibus fretados e intermunicipais e os caminhões.

O texto vem sendo construído de forma democrática. Três Audiências Públicas foram realizadas, incluindo um grande encontro no dia 16/9, do qual participaram vereadores, ambientalistas, representantes do Executivo, das empresas de ônibus e de fabricantes do setor.

O presidente Milton Leite também já havia se reunido com integrantes das ONGs de defesa ambiental em outra oportunidade, em agosto. 

Matéria publicada no portal da Câmara Municipal de São Paulo