bônus

Câmara de SP ignora STF e mantém mais de 250 salários de até R$ 53 mil

As remunerações estão acima do permitido pelo teto constitucional. Os 'supersalários' são pagos porque a Casa exclui 'penduricalhos' da conta, desrespeitando uma determinação do Supremo.

Por Guilherme Balza - Rádio CBN 

Os "supersalários" são um problema antigo na Câmara Municipal de São Paulo. Assim como as promessas, renovadas a cada gestão, de acabar com esta ilegalidade.

Gestão Alckmin manteve bônus a professor apesar de admitir sua ineficácia

Política custou R$ 4,2 bilhões e não promoveu melhorias, dizem pareceres do governo

Paulo Saldaña - Folha de S. Paulo

Avaliações do próprio governo de São Paulo indicam que o sistema de bônus por resultados na rede escolar, política central de sucessivas gestões do PSDB, não promoveu melhorias no desempenho dos alunos do estado.

Advertências para correções, presentes em relatórios internos, têm sido ignoradas pelo menos desde 2011 pela cúpula do governo e pela Secretaria da Educação. Até o alcance das metas de longo prazo é colocado em xeque.

Lucro da Sabesp dobra com fim de bônus na conta

A empresa teve ganhos de R$ 1,4 bilhão entre janeiro e junho, 117% a mais do que no primeiro semestre de 2015, auge da crise hídrica

Fabio Leite, O Estado de S. Paulo

O lucro líquido da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) mais do que dobrou no primeiro semestre deste ano, quando a estatal extinguiu o programa de descontos e a sobretaxa na conta para estimular a economia de água na região metropolitana por causa da crise hídrica. 

Multa da água bate recorde em abril e rende R$ 64,1 mi à Sabesp

No último mês de vigência, valor arrecadado com sobretaxa de até 50% aos chamados ‘gastões’ foi 90% maior do que perda de receita com o bônus para quem economizou água

BRUNO RIBEIRO E FABIO LEITE - O ESTADO DE S.PAULO

Aliança Pela Água lança petição pela manutenção de bônus na conta de água

Rede que reúne mais de 60 entidades, entre as quais o Grupo de Trabalho (GT) Meio Ambiente da Rede Nossa São Paulo, divulga ainda carta aberta a governador de São Paulo exigindo manutenção de desconto para consumidor que economiza água, multa para os que desperdiçam e revogação do aumento na tarifa

Sem bônus, sem água e com aumento de tarifa

* por Edson Aparecido da Silva

A população do Estado de São Paulo foi surpreendida recentemente com a notícia de um aumento na conta d’água de 8,45% a partir do mês de maio, calculado com base na variação do IPCA no período de março de 2015 a março de 2016 que foi de 9,37%, descontando um fator chamado “fator de eficiência” de 0,94%, chega-se ao reajuste.