Câmara Municipal

Audiência Pública da Comissão de Trânsito discute licitação de ônibus em São Paulo

ÉLDER FERRARI, DA WEB RÁDIO CÂMARA - PORTAL DA CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO

Uma Audiência Pública da Comissão de Trânsito, Transporte, Atividade Econômica, Turismo, Lazer e Gastronomia discutiu o processo de licitação do transporte coletivo de ônibus na cidade de São Paulo, que será dividido em 29 lotes, sendo que as empresas poderão disputar mais de um lote.

Nota de repúdio à ação da Guarda Civil Metropolitana (GCM) da Câmara Municipal

A Rede Nossa São Paulo vem a público registrar seu repúdio à forma truculenta pela qual a Guarda Civil Metropolitana (GCM) da Câmara Municipal Paulistana reprimiu e agrediu professoras e professores, que faziam uma manifestação legítima, pacífica e democrática contra a proposta de alteração do regime previdenciário dos servidores públicos municipais.

Educação ambiental é tema de reunião na Câmara #ODS #Agenda2030

KÁTIA KAZEDANI, DA REDAÇÃO - CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO

A Repea (Rede Paulista de Educação Ambiental) – criada para fortalecer a educação ambiental por meio da integração de pessoas e instituições que desenvolvam atividades nessa área – reuniu na terça-feira (6/2), na Câmara Municipal de São Paulo, representantes de diferentes movimentos para discutir a organização do 4º Encontro de Educadores Ambientais e os desafios para a conscientização da população sobre a preservação do meio ambiente.

Município de São Paulo adota a Agenda 2030 da ONU

LETÍCIA VIOLA, DA REDAÇÃO - CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO

Após reconhecerem a erradicação da pobreza –  como o maior desafio global – representantes de 193 países-membros da ONU (Organização das Nações Unidas) firmaram na Cúpula de Desenvolvimento Sustentável, em setembro de 2015, um acordo para promover o desenvolvimento sustentável nos próximos 15 anos.

Vereador propõe eleições diretas para o cargo de prefeito regional

DA REDAÇÃO -  CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO 

Atualmente a cidade de São Paulo conta com 32 Prefeituras Regionais. Cada uma delas atua no recebimento de reclamações e na solução de problemas apontados pela população: desde questões pequenas como um buraco na rua ou falta de iluminação em uma praça até casos mais complexos envolvendo educação ou segurança.

Na prática, todas contribuem para descentralizar a administração pública municipal e tornar mais ágil o atendimento nos bairros.

Câmara aprova pagar multa em 12 parcelas

Por Destak São Paulo

A Câmara Municipal aprovou, em segunda votação, um projeto de lei que autoriza o pagamento de multas de trânsito em até 12 vezes. O mesmo projeto ainda libera o licenciamento do veículo para quem aderir ao programa de parcelamento.

Atualmente, além da necessidade de pagamento da infração à vista, o proprietário do automóvel também tem o licenciamento anual de seu veículo bloqueado enquanto não quitar as autuações.

Orçamento de Doria fica em R$ 56 bilhões; ônibus terão R$ 2,1 bi

Oposição reclama que investimento previsto, de R$ 5,9 bilhões, não supre todas as áreas; gestão fala em visão ‘realista’

Adriana Ferraz e Luiz Fernando Toledo, O Estado de S. Paulo

A Câmara Municipal ainda aprovou o primeiro orçamento do prefeito João Doria (PSDB), fixado em R$ 56,3 bilhões para 2018. Ele prevê valor de investimento semelhante ao de 2017 - são R$ 5,9 bilhões. Mas só R$ 1,225 bilhão do previsto acabou executado (21% do total).

Vereadores de São Paulo aprovam 13º salário para si mesmos

Benefício foi definido na madrugada; emenda à Lei Orgânica está em texto proposto em 2002

Luiz Fernando Toledo e Adriana Ferraz, O Estado de S.Paulo

Em sessão no início da madrugada desta terça-feira, 19, a Câmara Municipal de São Paulo encerrou o ano legislativo com a aprovação de um 13.º salário para os 55 vereadores da capital paulista. O projeto de Emenda à Lei Orgânica (PLO), que permitiu a aprovação do pagamento, é de 2002. 

Na última sessão do ano, Câmara de SP aprova pagamento de 13º a vereadores

GUILHERME SETO - FOLHA DE S. PAULO

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou na noite desta segunda-feira (18), quase terça (19), uma alteração na Lei Orgânica da cidade para autorizar o pagamento do 13º salário para prefeito, vice-prefeito e para os próprios vereadores.

A decisão acontece após o Supremo Tribunal Federal (STF) decidir, em fevereiro, que é constitucional o pagamento do salário adicional para essas categorias. A alteração promovida pelos vereadores de São Paulo incorpora ao município a decisão federal.