erros

Febre amarela deu sinais, e erros em série antecederam avanço da doença

ANGELA PINHO E CLÁUDIA COLLUCCI - FOLHA DE S. PAULO

A sucessão de casos de febre amarela expôs a críticas a agilidade e a eficácia da reação do país ao vírus. Entre os erros apontados por especialistas estão problemas de planejamento, tímida vigilância da cobertura vacinal e falta de senso de urgência diante de evidências de que o vírus se aproximava da região mais populosa do Brasil.