gestão doria

Sob a gestão Doria, postos de saúde marcam consulta apenas para 2018

DO "AGORA"

Postos de saúde de São Paulo, sob a gestão João Doria (PSDB), estão marcando consultas com clínico-geral e ginecologista apenas para o ano que vem.

A reportagem consultou 25 UBSs (Unidades Básicas de Saúde) entre esta terça-feira (4) e quarta (5) e encontrou a situação em três. Uma delas é a UBS Veleiros, no Socorro (zona sul), onde uma atendente afirmou à reportagem que havia vagas para consulta com o clínico-geral para fevereiro de 2018.

Doria suspende 37 obras em 28 bairros da periferia de SP por falta de dinheiro

REGIANE SOARES E ALINE MAZZO, DO "AGORA"

A gestão João Doria (PSDB) suspendeu por quatro meses pelo menos 37 obras em 28 bairros da cidade de São Paulo, todos na periferia.

As suspensões foram publicadas no "Diário Oficial" da Cidade entre março e abril, segundo levantamento da reportagem. Elas atingem 18 creches, 2 escolas, 1 hospital, 6 UPAs (Unidades de Pronto Atendimento), 3 UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e 2 CEUs (Centros de Educação Unificado), além de obras de transporte e de drenagem.

Confira a análise do Programa de Metas da gestão 2017-2020

A lei do Plano de Metas é uma iniciativa da Rede Nossa São Paulo e determina que todo prefeito, eleito ou reeleito, apresentará o Programa de Metas de sua gestão, até noventa dias após sua posse, que conterá as prioridades: as ações estratégicas, os indicadores e metas quantitativas para cada um dos setores da Administração Pública Municipal, subprefeituras (prefeituras regionais) e distritos da cidade, observando, no mínimo, as diretrizes de sua campanha eleitoral e os objetivos, as diretrizes, as ações estratégicas e as demais normas da lei do Plano Diretor Estratégico. 

Marginais têm 4 acidentes com vítimas por dia no 2º mês com novos limites

ARTUR RODRIGUES - FOLHA DE S. PAULO

As marginais Tietê e Pinheiros registraram 117 acidentes com vítimas no segundo mês depois do aumento do limite de velocidade nas vias –média de quatro casos por dia, segundo dados divulgados pela gestão João Doria (PSDB). Na comparação com os 30 dias anteriores, quando houve 106 casos, a alta é de 10,4%.

O aumento dos limites nas duas marginais aconteceu em 25 de janeiro, com a retomada das máximas de 90 km/h na pista expressa, de 70 km/h na pista central e de 60 km/h na pista local –e a criação do programa Marginal Segura.

Gestão Doria ignora prazo e deixa de atender 3 em 4 queixas de zeladoria

ARTUR RODRIGUES, GIBA BERGAMIM JR. E LEANDRO MACHADO - FOLHA DE S. PAULO

Mato alto em praças, lixo e entulho nas ruas, buracos no asfalto, falta de iluminação.

O combate a problemas de zeladoria desse tipo foi elencado pelo prefeito João Doria (PSDB) como uma das marcas do início de mandato.

Num teste feito pela Folha, porém, a gestão tucana ignorou 3 em 4 reclamações feitas neste ano –descumprindo os prazos fixados pela própria Prefeitura de São Paulo.

Doria terá verba enxuta para resolver de buraco a limpeza de bairros

A equipe do prefeito eleito João Doria (PSDB) terá que melhorar a zeladoria, a área mais criticada pela população na atual administração, em meio a dificuldades financeiras que afetam contratos de jardinagem, limpeza e conservação de ruas.

Queixas relativas à Secretaria Municipal de Coordenação das Subprefeituras, que será renomeada como Secretaria das Prefeituras Regionais, representam quase metade das 16 mil reclamações feitas à Ouvidoria da prefeitura no ano passado. A principal delas é sobre jardinagem, seguida por outros problemas em vias públicas.