marginais

Mortes no trânsito em SP caem 7%, mas aumentam em 8 das 10 vias mais letais

Marginal Tietê registrou 20 mortes, 42,86% de aumento em relação a 2016. Avenida Teotônio Vilela registrou aumento de 90% e na Marechal Tito, o número de mortos dobrou.

Portal G1

O número de mortes nas vias da cidade de São Paulo caiu 7% de 2016 para 2017, mas aumentou em 8 das 10 vias mais letais da cidade, entre elas as marginais Tietê e Pinheiros, segundo dados da Companhia de Engenharia de Tráfego divulgados nesta sexta-feira (13).

Acidentes com mortes nas marginais contrariam discurso da gestão Doria

FABRÍCIO LOBEL - FOLHA DE S. PAULO

Uma adolescente no banco traseiro do carro da mãe. Uma enfermeira a caminho do hospital. Um agente de trânsito da CET após um dia de trabalho. Um motociclista a bordo de sua Harley Davidson e formado na faculdade uma semana antes.

Marcela, 14, Daiane, 33, Ubirajara, 50, e Maurício, 39, são apenas 4 dos 27 mortos neste ano em acidentes nas marginais Tietê e Pinheiros. 

CET registra 20 mortes nas marginais entre janeiro e agosto de 2017

FOLHA DE S. PAULO

Novo relatório da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), vinculado à gestão João Doria (PSDB) na Prefeitura de São Paulo, aponta que entre janeiro e agosto de 2017 foram registradas 20 mortes nas pistas das marginais Tietê e Pinheiros.

No mesmo período do ano passado, as mesmas vias registraram 19 mortes. O relatório, segundo a CET mantem a mesma metodologia para contagem de mortes desde 1979.

Comissão flexibiliza Cidade Limpa e libera painéis de 20 m² nas Marginais

Como contrapartida, empresas responsáveis por anúncios deverão financiar reparos e manutenção das pontes por três anos

Fabio Leite e Júlia Marques, O Estado de S.Paulo

A gestão do prefeito João Doria (PSDB) conseguiu aval para flexibilizar a Lei Cidade Limpa e liberar a instalação de painéis de publicidade de 20 metros quadrados nas Marginais do Tietê e do Pinheiros. A propaganda será a contrapartida de um amplo projeto de revitalização das 32 pontes que cruzam as duas principais vias da capital paulista proposto por um grupo de empresas privadas. 

Tribunal de SP mantém novos limites de velocidade nas marginais

FOLHA DE S. PAULO

O Tribunal de Justiça de São Paulo manteve, nesta quarta-feira (9), o aumento dos limites de velocidade nas marginais Pinheiros e Tietê que foram reajustados pela gestão João Doria (PSDB) em 25 de janeiro.

A decisão ocorreu após julgamento na 13ª Câmara de Direito Público do tribunal que analisou o mérito da liminar favorável à mudança. A autorização partiu da desembargadora Flora Maria Nesi Tossi Silva que também é relatora da ação na 13ª Câmara de Direito Público.

Motociclista morre e eleva para 12 o total de óbitos nas marginais neste ano

Folha de S. Paulo

Mais um motociclista morreu no domingo (9) após atingir um poste na marginal Tietê, na zona leste de São Paulo. Com isso, sobe para 12 o total de óbitos registrados nas marginais Tietê e Pinheiros desde o início do ano.

O acidente aconteceu por volta das 8h, próximo à ponte Miguel Arraes (antiga ponte Aricanduva). Segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), o motociclista na pista local, sentido Castello Branco.

As causas da batida ainda serão apuradas, afirmou a companhia.

Velocidade nas marginais gera impasse em Audiência Pública

DA REDAÇÃO - CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO

O limite de velocidade nas marginais Pinheiros e Tietê continua dividindo opiniões. Durante Audiência Pública realizada nesta segunda-feira (19/6) pelas comissões de Política Pública e de Trânsito da Câmara Municipal de São Paulo, especialistas e representantes da Prefeitura discordaram sobre qual seria o mais adequado para garantir a segurança de todos.

Balanço de Doria das marginais aponta 1/3 dos feridos computados pela PM

EDUARDO SCOLESE, EDITOR DE "COTIDIANO", E FABRÍCIO LOBEL E DHIEGO MAIA, DE SÃO PAULO - FOLHA DE S. PAULO

Balanço da Prefeitura de São Paulo com base em dados de boletins de ocorrência analisados pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) aponta redução no número de acidentes e feridos nas marginais Tietê e Pinheiros nos três primeiros meses após a gestão João Doria (PSDB) ter elevado as velocidades máximas nas duas vias.