monotrilho

Vistoria em cima da hora dos bombeiros abriu estações para Alckmin

Tucano inaugurou paradas incompletas do monotrilho da linha 15-prata em SP

Mariana Zylberkan - Folha de S. Paulo

Inauguradas no último dia de Geraldo Alckmin (PSDB) no cargo de governador de São Paulo, quatro estações da linha 15-prata do monotrilho só foram liberadas para o lançamento horas antes do evento, ocorrido na manhã desta sexta (6). O Corpo de Bombeiros fez uma vistoria de última hora para a abertura.  

Legado da Copa vira abrigo de morador de rua

Linha de monotrilho da capital paulista enfrenta briga de construtoras e sofre para sair do papel

RENÉE PEREIRA E LUIZ GUILHERME GERBELLI - O ESTADO DE S.PAULO

Metrô de SP anuncia novo consórcio para obras do monotrilho

Construção do trecho de três estações foi paralisada oficialmente em janeiro após rompimento de contrato com empreiteiras

FABIO LEITE - O ESTADO DE S. PAULO

O Metrô de São Paulo anunciou na sexta-feira, 8, a contratação de um novo consórcio para retomar parte das obras do monotrilho da Linha 17-Ouro (Jabaquara-Morumbi), paralisadas oficialmente em janeiro deste ano após o rompimento do contrato com as empreiteiras que executavam o trecho de três estações.

Governo Alckmin estuda privatizar dois monotrilhos de SP

Por André Monteiro e Eduardo Geraque

O governo de São Paulo estuda privatizar a operação dos dois monotrilhos da capital. A Folha apurou que a ideia é terminar as obras iniciadas e conceder à iniciativa privada as linhas 15-prata, na zona leste da cidade, e a 17-ouro, na zona sul.

Entre os modelos em estudo está o pagamento de um valor por passageiro a uma concessionária em troca da operação, como na linha 4-amarela do metrô. Além disso, a empresa também pode ficar responsável por comprar novos trens, por exemplo.

Monotrilho da zona leste fica para após 2018

Previsão inicial de 2012 passou para 2015 e, agora, diante de diferentes entraves, ganhou mais de três anos de prazo; Obras em estações ficaram paradas por erros em projeto; galerias de água estão sendo desviadas.

Por Artur Rodrigues Eduardo Geraque

Apresentado como uma solução rápida e barata para ligar a Vila Prudente até a Cidade Tiradentes, no extremo leste de São Paulo, o monotrilho da Linha 15-Prata do Metrô virou uma obra demorada e cada vez mais cara do governo Geraldo Alckmin (PSDB).

Trem-fantasma

Orçado em R$ 7,1 bilhões pela gestão Alckmin (PSDB), monotrilho de SP opera desde agosto só em trecho de 2,9 km, de um total de 26,6 km previstos; obra de estações está paralisada após falha no projeto 

Por ARTUR RODRIGUES - da Folha de S. Paulo

Não há filas na bilheteria ou nas catracas, muito menos camelôs nas imediações da estação. Nos trens, de tão reduzido, o número de passageiros caberia numa van.

Monotrilho completa seis meses de testes

Governo do Estado promete ampliar horário de operação da Linha 15-Prata neste mês.

Por Bruno Ribeiro

Aberta ao público há exatos seis meses, a Linha 15-Prata da Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô), o monotrilho da zona leste de São Paulo, continua sem funcionar quando é mais necessária: nos horários de pico. O tempo de testes é recorde na história da empresa. O Metrô promete ampliar o funcionamento, que hoje é das 9 às 14 horas, ao longo deste mês. 

Após 4 décadas, rede do Metrô espera por expansão

Nas duas primeiras décadas, rede ganhou 41 estações - 20 anos depois, foram 24 paradas; governo diz que ritmo de obras hoje é 'histórico'.

Por CAIO DO VALLE, EDISON VEIGA - O ESTADO DE S.PAULO

Primeiro monotrilho do país foi inaugurado em São Paulo

Por André Monteiro e César Rosati

Com oito meses de atraso, começa neste sábado (30) a era dos monotrilhos em São Paulo. A linha 15-prata, a primeira de transporte de massa a ser inaugurada com essa tecnologia no país, começará a funcionar a partir das 10h, em fase de testes.

O trecho inicial tem 2,9 km e vai da estação Vila Prudente à Oratório, na zona leste. Até meados de 2018, o governo espera ter três linhas de monotrilho em operação.