mortes

Embate com morador de rua desgasta prefeitos de São Paulo há 5 gestões

GIBA BERGAMIM JR. - FOLHA DE S. PAULO

Construção de "rampas antimendigo", jatos de água em praças ocupadas por moradores de rua, restrições à distribuição de sopa, retirada de cobertores, além de mortes de sem-teto em época de frio.

Episódios como esses geraram desgastes a pelo menos cinco prefeitos de São Paulo nos últimos 25 anos, em meio a um processo de crescimento da população que vive nas ruas da metrópole. Se havia cerca de 8.000 sem-teto em 2000, a atual gestão estima que hoje já são 20 mil.

Mortes em acidentes de trânsito em SP crescem 23,8%

Número passou de 67 para 83 em junho deste ano na capital

Marco Antônio Carvalho, O Estado de S.Paulo

A quantidade de mortes decorrentes de acidentes de trânsito na cidade de São Paulo cresceu 23,88% em junho, na comparação com o mesmo período do ano passado, passando de 67 para 83 casos. Os dados foram divulgados nesta quarta0-feira, 19, pelo Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga), que reúne informações de registros da Polícia Militar. O crescimento no Estado, no mesmo período, foi de 5%.

Mortes em acidentes de trânsito crescem 12,3% no mês de maio em SP

TATIANA CAVALCANTI, DO "AGORA"

O total de mortes em acidentes na capital paulista cresceu 12,3% em maio deste ano, em comparação com o mesmo período do ano anterior. Foram 91 mortes, contra 81 no mesmo mês do ano passado. Os pedestres seguem sendo as maiores vítimas, e o número de mortos atropelados também teve alta.

Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (19) pelo Infosiga, banco de dados do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, ligado ao governo Geraldo Alckmin (PSDB).

Mortes em acidentes de trânsito caem 11% em um ano no País

Número passou de 43.780 óbitos em 2014 para 38.651 no ano seguinte; Ministério da Saúde acredita que crise econômica, Lei Seca e municipalização da fiscalização tenham contribuído

Marco Antônio Carvalho, O Estado de S. Paulo

Assassinato causa metade das mortes de jovens no País

'Atlas da Violência' revela retorno dos homicídios de pessoas de 15 a 29 anos após período de tendência de estagnação

Marco Antônio Carvalho, O Estado de S.Paulo

Trânsito no Brasil mata 47 mil por ano e deixa 400 mil com alguma sequela

MARIANA LAJOLO - COLABORAÇÃO PARA A FOLHA DE S. PAULO

O caminho era o mesmo todas as sextas-feiras. Guilherme Mariano da Silva já estava acostumado: saía à noite de Boituva, onde fazia faculdade, e dirigia por 121 km até São Paulo. O estudante costumava ser prudente ao volante, mas, aos 20 anos, não levava os riscos tão a sério. Tanto que, dez meses atrás, não se preocupou com o sono que o abatia antes de pegar a estrada. Só queria voltar logo para casa.

OMS recomenda limite de 50 km/h para reduzir mortes no trânsito

Em novo relatório, a Organização Mundial da Saúde (OMS) aponta que a velocidade segura no trânsito é fundamental para reduzir o número de acidentes e mortes. Óbitos em vias de tráfego chegam a 1,25 milhão por ano.

Agência da ONU lembra protagonismo de prefeitos e líderes municipais para tornar cidades mais habitáveis e menos perigosas para seus habitantes.

Doria diz que imprudência é causa de acidentes nas marginais de SP

MARIANA ZYLBERKAN - FOLHA DE S. PAULO

O prefeito da capital paulista João Doria (PSDB) afirmou, neste domingo (7), que a imprudência, principalmente de motociclistas, é a causa dos acidentes nas marginais Tietê e Pinheiros.

Com alta em morte de pedestre, Doria anuncia maior tempo de travessia

ARTUR RODRIGUES - FOLHA DE S. PAULO

Após aumento de atropelamentos em 2017, a gestão João Doria (PSDB) anunciou nesta terça (2) que pretende estender em 20% o tempo de travessia para pedestres programados nos semáforos da capital paulista.

O anúncio ocorreu durante evento de lançamento de políticas do Maio Amarelo, voltadas a segurança no trânsito, com várias ações educativas, incluindo para o pedestre.