mudanças

MP entra com ação contra mudanças no zoneamento de SP propostas por Doria

Promotor pede que andamento do projeto seja suspenso. G1 procurou as assessorias de imprensa da Prefeitura e da Câmara Municipal e aguardava retorno.
As mudanças são criticadas por mais de 150 entidades da sociedade civil, entre as quais a Rede Nossa São Paulo, sindicatos, movimentos sociais e associações comunitárias.

Por G1 SP

O Ministério Público de São Paulo entrou nesta quinta-feira (15) com ação civil pública contra a Prefeitura e da Câmara Municipal pelas mudanças propostas pelo prefeito João Doria (PSDB) na Lei de Zoneamento da cidade.

Doria quer mudar lei de zoneamento de SP ainda neste semestre

Alterações propostas pelo prefeito incluem apartamentos maiores e mais vagas de garagem em grandes avenidas, além da redução de 30% no valor das contrapartidas pagas por construtoras

Priscila Mengue, O Estado de S.Paulo

"Seus problemas acabaram", por Agostinho Vieira

Nas manifestações do ano passado os jovens chegaram a pedir, educadamente, desculpas pelo transtorno. Estavam mudando o Brasil. Algumas pessoas ficaram angustiadas, sem saber exatamente o que significava essa mudança. Para onde ir, o que fazer e como agir eram perguntas que não tinham resposta. Agora, a julgar pelo segundo turno da campanha à Presidência, tudo ficou muito mais simples.