Nexo Jornal

O Programa de Metas de SP em direitos humanos: o que ele não diz

Plano não diz a que veio em pontos cruciais de direitos humanos, como igualdade de gênero e igualdade racial, embora estes representem 37% das sugestões da população ao Programa. Para uma cidade que todos os dias violenta corpos de mulheres, inclusive mulheres trans, e assassina juventude negra a números alarmantes, este silêncio é eloquente.

Por Thiago Amparo, no Nexo Jornal.