semáforos

Doria anuncia parceria com aplicativo de trânsito para monitorar semáforos

O prefeito João Doria (PSDB) anunciou na manhã desta quarta-feira (20) uma parceria entre a Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) e o aplicativo de trânsito Waze.

Com o acordo, o aplicativo vai repassar automaticamente à CET as informações sobre semáforos quebrados que estiverem disponíveis em sua plataforma –nela, os usuários reportam obstáculos em tempo real, que permitem ao Waze montar a melhor rota para o motorista chegar ao seu destino.

'Gestor', Doria enfrenta atraso em contratos de ações essenciais de SP

Tanto na campanha eleitoral como depois de eleito, o prefeito João Doria (PSDB) se apresenta como um "gestor". Com mais de oito meses na prefeitura, ele enfrenta agora um teste para o rótulo, em meio a atrasos em contratações de serviços vitais.

A demora em licitações já causou de falhas em semáforos à falta de limpeza nos parques. A gestão tucana diz ter herdado contratos vencidos da administração de Fernando Haddad (PT) e cita também decisões de órgãos fiscalizadores e da Justiça que têm barrado alguns processos.

Capital paulista tem só 8 semáforos para cegos

Os 53 mil moradores que não enxergam correm riscos ao atravessar ruas; Prefeitura promete aumentar número de sinais apropriados

Juliana Diógenes, O Estado de S.Paulo

Com 53 mil habitantes cegos, a cidade de São Paulo tem apenas oito semáforos sonoros – voltados para pessoas com deficiência visual –, sendo a metade na região do Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo. Entre os que estão nas ruas da capital, nenhum equipamento funciona na totalidade da travessia. Em um deles, na zona sul da cidade, o botão sequer existe mais. 

Doria vai lançar PPP para modernizar semáforos de SP

Objetivo de parceria com a iniciativa privada é implantar nova tecnologia para que até 85% dos 6.500 semáforos da cidade possam ser operados remotamente

Fabio Leite e Marco Antônio Carvalho, O Estado de S. Paulo

Prefeitura de SP escolhe empresas que vão reparar semáforos

Os contratos somam R$ 40,8 milhões e devem ser assinados em duas semanas

O Estado de S.Paulo

Após mais de seis meses sem contrato de manutenção de semáforo na cidade, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) de São Paulo escolheu as três empresas que ficarão responsáveis por cuidar dos 6.399 sinais de trânsito existentes na capital paulista. Os contratos somam R$ 40,8 milhões e devem ser assinados em duas semanas. 

TCM mantém suspensa licitação para semáforos

Jornal Destak São Paulo

O TCM (Tribunal de Contas do Município) decidiu manter suspensa a licitação para a manutenção de semáforos na capital. A decisão foi tomada mesmo após a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) entregar, no início do mês, as respostas dos 11 questionamentos que haviam sido feitos pelo tribunal.