subsídios

SP já gastou 94% do que previa para os ônibus

Valor usado foi de R$ 1,7 bi, mas Prefeitura já prepara saques de outros recursos para cobrir tarifa, que está congelada há 18 meses

Bruno Ribeiro, O Estado de S.Paulo

Subsídios de ônibus estouram gastos previstos para 2016

Por Redação - jornal Destak São Paulo

A verba de R$ 1,8 bilhão prevista no Orçamento deste ano para ser repassada às empresas de ônibus em forma de subsídios acabou no mês passado.

Os subsídios são valores pagos para cobrir descontos nas tarifas dados a estudantes e às várias modalidades do Bilhete Único, e gratuidades como as destinadas a idosos e alunos de baixa renda.

Desde que as verbas previstas no Orçamento acabaram, o prefeito Fernando Haddad (PT) fez pelo menos dois remanejamentos de outras áreas.

LDO aprovada na Câmara limita subsídios do transporte à inflação

Ao todo, 185 emendas foram feitas ao projeto enviado em maio por Haddad, com previsão de receita de R$ 50,3 bi para 2017

FABIO LEITE - O ESTADO DE S.PAULO

A Câmara Municipal aprovou na sexta-feira, 1º, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2017, com a inclusão de um artigo que define o índice de inflação (IPCA) como teto para aumento dos subsídios ao sistema de transporte público. A previsão é de que a gestão Fernando Haddad (PT) repasse R$ 2 bilhões às concessionárias para cobrir a operação.