Transparência

Falta de transparência e pressa abalam programa de privatização de Doria

WALTER PORTO - FOLHA DE S. PAULO

A concessão de bens públicos à iniciativa privada é um projeto prioritário da gestão João Doria (PSDB) que, até agora, vem sendo tocado de maneira pouco transparente e aparenta ter pressa pouco condizente com a realidade.

ONGs pró-transparência se queixam a Doria por mudança na Controladoria

A decisão do prefeito eleito João Doria (PSDB) de tirar o status de secretaria da CGM (Controladoria-Geral do Município) levou um grupo de organizações a mandar uma carta a ele reclamando da ideia. A Rede pela Transparência e Participação Social, formada por 16 entidades, como Artigo 19 e Rede Nossa São Paulo, pede a valorização do órgão e o compromisso com o acesso à informação.

Treze prefeitos em reeleição prometem transparência, mas maioria é mal avaliada no tema

Por Ana Rita Cunha e Tai Nalon - Aos Fatos

Dentre os 20 candidatos à reeleição nas capitais brasileiras, 13 têm propostas concretas para aumentar a transparência das contas públicas em seus programas de governo. Levantamento de Aos Fatos a partir de estudo inédito da ONG Open Knowledge Brasil, mostra, no entanto, que a maior parte deles administra prefeituras pouco transparentes.

Seminário discute independência e transparência no Judiciário nesta terça-feira

Acontece nesta terça-feira (9/6), em São Paulo, o seminário "Independência e Transparência no Judiciário", evento organizado por sete entidades que vai  discutir a falta de transparência no Judiciário brasileiro e seu impacto na designação de juízes pelos Tribunais de Justiça – hoje orientada por critérios opacos e pouco objetivos.

Segundo as entidades, a presença de juristas, estudantes, movimentos sociais e organizações da sociedade civil nos debates evidencia a urgência de abrir o sistema para a participação social e o monitoramento público.

Evento da RETPS discute a transparência na gestão pública

Na última segunda-feira (18/5) em São Paulo, a sede da Apesp (Associação dos Procuradores do Estado de São Paulo) serviu de espaço para a realização de debate sobre os três anos da Lei de Acesso à Informação (LAI). Promovido pela Rede de Transparência e Participação Social (RETPS), o evento “Debatendo a Lei de Acesso à Informação: usos e potencialidades no combate à corrupção” reuniu vários representantes de organizações que atuam pela transparência na gestão pública.

IRBEM - Paulistanos estão mais exigentes em relação à transparência e participação política

Por Fecomercio SP

O paulistano está mais crítico e exigente em relação à participação política e demonstra insatisfação com as questões da transparência na gestão pública, da honestidade dos governantes e da punição à corrupção. É o que mostra a pesquisa anual Indicadores de Referência de Bem-Estar no Município (IRBEM). Em sua sexta edição, o IRBEM 2014 foi realizado pelo IBOPE Inteligência a pedido da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) em parceria com a Rede Nossa São Paulo.